Orquídea Chocolate

Orquídea Chocolate: Criação, cuidados e decoração

orquídea chocolate

 

As orquídeas se caracterizam pela sua beleza e aroma marcantes. Mas também a delicadeza e sensibilidade que as mesmas possuem são traço fundamental para todas elas. Como já se sabe, sua presença modifica todo um ambiente e traz leveza e suavidade onde quer que se encontrem. Apesar de não poder ficar em qualquer lugar, elas são muito versáteis e singulares. Sua diversidade de cores e aromas também surpreende dando ainda mais encanto. Ela pode estar em festas, em buquês, em espaços caseiros, jardins, escritórios, enfim, a lista é enorme. Para explorar todo o seu potencial é necessário estar atento a algumas dicas de cuidado que vão desde o contato com a luz solar, até a água que é usada para regá-la. Todo o conjunto de práticas, sem dúvidas, dão o toque final.

Ter uma orquídea é entender que ela também necessita de cuidados, e, por sua delicadeza, esses cuidados não podem ser feitos de qualquer maneira. O que importa no fim das contas é prolongar sua vida e garantir o seu desenvolvimento. De um modo geral elas compõem muito bem ambientes, mas outra característica interessante é que podem ser combinadas entre elas, aumentando ainda mais o leque de possibilidades existentes. No fim das contas o bom gosto faz a diferença, afinal, não importa a maneira a qual seja decorada, sempre dá um toque especial em qualquer ambiente, sem deixar a simplicidade de lado.

E em meio a tantas cores, vamos falar um pouco mais sobre a Orquídea Chocolate. Saber o porquê do nome, características marcantes, dar dicas de cuidado e finalmente dicas de decoração.

 

A origem da Orquídea Chocolate

 

O seu tom marrom avermelhado e seu aroma de baunilha são encantadores. Ao se deparar com uma Orquídea Chocolate, como é chamada, o indivíduo pode ficar horas admirando tanta beleza e simplicidade em uma só flor. As características que possuem, mesmo não sendo tão comuns, chamam a atenção de quem se debruça para aprender sobre o plantio e cuidado das orquídeas. São seguramente características marcantes e que dão toque de personalidade à flor.

Ela surgiu em meados de 1983 através de Dorothy A. O’Flahert. Sua tentativa foi cruzar dois tipos de espécies o que deu origem a Oncidium Sharry Baby, sim esse é seu nome científico, e que se popularizou como Orquídea Chocolate. Fato é que sua característica é bastante marcante e já deixa bem claro a que veio. Sua personalidade é uma das marcas, além do aroma que toma conta do ambiente de forma bastante ágil. Outra marca interessante é a facilidade com a qual as flores se desenvolvem, dando um ar de “generosidade”, o que quebra um pouco com sua força na forma e no aroma, dando certo equilíbrio. De um modo geral não se tem distinção de onde pode ficar, em ambientes externos ou internos, devido a sua resistência ser um pouco maior que a das outras orquídeas de outras colorações.

Como Cuidar da Orquídea Chocolate

orquídea chocolate

 

As orquídeas possuem algumas regras básicas para que possam se desenvolver bem e manter a sua beleza. São regras que devem ser seguidas fielmente, caso contrário todo o esforço não terá valido a pena. No entanto as orquídeas de chocolate são um pouco mais resistentes que as outras, o que abre espaço para quem quer começar a cultivar plantas e flores. Além de serem fáceis de tratar se dão bem em muitos ambientes. Para a sua irrigação, recomenda-se que esteja constantemente umedecida, mas não com exageros. Um intervalo de cinco dias é suficiente para que ela possa se desenvolver bem e manter sua exuberância.

O uso de adubos naturais é recomendado para a nutrição da orquídea, também sem muito exagero. Estar sempre a monitorando é o suficiente para perceber quando precisa de alguns nutrientes. Com relação à iluminação solar, é recomendado que ela esteja exposta nos horários mais frescos do dia, evitando o calor excessivo e a radiação, tendo que, neste período de muito sol, ficar na sombra. Em todos os casos o uso de pesticida ou inseticida deve ser bastante estudado, evitando o uso de qualquer modo ou por nenhuma necessidade. O ideal é que, se necessário, seja usado alguns do tipo natural ou orgânicos que não agridem a planta. As indicações apesar de simples devem ser respeitadas, caso você queira a sua Orquídea Chocolate por mais tempo com você, e para que ela possa se desenvolver bem, dando flores cada vez mais belas.

 

Dicas para decoração

As orquídeas de chocolate, assim como qualquer orquídea, são bem versáteis e podem ocupar os mais diferentes espaços e ambientes, permitindo também a combinação com outras cores. Elas, por exemplo, ocupam muito bem colunas e dão uma aparência discreta, sem chamar atenção. No entanto, seu aroma marcante pode ser logo percebido, sendo uma boa dica para harmonização do ambiente. Podem também estar presentes em buquês de noiva, sozinhas ou misturadas com outras cores. Ao se notar uma Orquídea Chocolate em um buquê se transmite personalidade e firmeza. É uma cor que por si só já marca bastante nossos olhares e seu aroma forte vem reforçar essa firmeza. Ao se usar sozinha, se recomenda que hajam outras no espaço, para ampliar o contexto, dando mais leveza.

As orquídeas de chocolate são perfeitas para ambientes internos como sala, quarto ou escritório. Só é necessário atenção para o local onde vão ser colocadas, precisando estar próximas à janelas e fora do sol no seu período mais quente. Elas podem também ornamentar ambientes externos e combinadas com outras plantas, flores ou cores pode dar um charme mais que especial e muito mais leve, porém ainda se destacando. Essas foram algumas dicas de ornamentação e cuidado com a Orquídea Chocolate. O que é preciso estar sempre em alerta é a forma de como cuida dela, para que suas principais características possam se prolongar por muito mais tempo. Quanto à decoração, todos os locais podem receber uma orquídea e na maioria deles sua presença pode fazer toda a diferença, dando outros ares a lugares sem vida ou monótonos.