Louva-a-Deus Orquídea

Louva-a-Deus Orquídea – Uma Dádiva da Natureza

Louva Deus Orquídea

 

Muito se fala sobre as orquídeas, sua beleza e exuberância conquistam todos que se deparam com ela. Também é um pecado não se curvar ao seu charme e presença, sem contar com o aroma que lhe é próprio. Suas características marcantes certamente dão um toque especial e marcante onde quer que estejam sendo facilmente identificadas e admiradas. A sua versatilidade também é um aspecto importante. As orquídeas também se destacam pela sua enorme variedade, de cores, de espécies, de aromas. Todo esse universo emite uma energia de renovação e adaptação, registrado pelos inúmeros espaços que podem ocupar. Pode estar presente em casamentos, em festas mais simples, em ambientes intimistas e que exigem concentração, mantendo a beleza e o luxo, podendo figurar entre espaços mais requintados ou mais simples. Tal é sua versatilidade, que se recortarmos para o Brasil, existem orquídeas que são próprias do clima ou até da região, e isso se deve principalmente pelo fato de existirem muitos híbridos, feitos em laboratórios ou pelo próprio processo natural.

 

O Louva-a-Deus Orquídea é uma orquídea ou um inseto?

Porém ao falarmos do louva-a-deus orquídea não estamos falando de uma flor, mas sim de um inseto. Exatamente! O louva-a-deus orquídea é um inseto, mas porque ele leva esse nome? Para início de conversa ele é um inseto comum nas florestas asiáticas, mais precisamente no sudeste e chamou a atenção de especialistas pela beleza e aparência que são idênticas a de uma orquídea.

Podem ser encontradas com mais facilidade na Malásia ou Indonésia, tendo hábitos naturais para sua espécie, a Hymenopus coronatus. Mas será que de fato parece tanto assim? Bom, alguns cientistas acreditam que ela pode se “camuflar”, adquirindo várias cores, assim como um camaleão, mas sua estratégia vai muito além de uma simples camuflagem. Ele simplesmente mimetiza partes da flor, assumindo as formas delas. Isso porque possui cores bastante vibrantes e condizentes com as flores que estão em volta. Então, ao mimetizar, ela assume a forma bem semelhante a da flor e fica na espera de suas presas. O mimetismo, para quem não conhece, é uma estratégia adotada por alguns organismos, na tentativa de confundir outras espécies, assumindo formas ou imagens que são diferentes da sua essência.

Ou seja, diferentemente da camuflagem, que é usada com a finalidade de assumir as cores de determinada paisagem para que não seja visto, sendo as paisagens as mais variadas possíveis. A camuflagem não faz uso das próprias estruturas do organismo, mas o adapta a uma realidade a qual se encontra de modo a que os que passem por perto não possam ter conhecimento de sua presença. Por isso o mimetismo é especial por usar as próprias estruturas do organismo, não o forçando para se adaptar mas apenas ajustando para que seu objetivo possa ser alcançado. Essa estratégia pode ser usada para fugir de predadores ou para abocanhar aquela presa. É um fenômeno natural e de modo geral as próprias estruturas facilitam no processo. No caso do nosso amigo, o louva-a-deus orquídea, é para poder se alimentar de presas que se aproximem ingenuamente e com a guarda baixa, diminuindo o trabalho de ter que correr atrás delas. Acontece que sua aparência e forma são tão idênticos à da flor que insetos, que fazem parte do seu cardápio, se aproximam como se de fato fosse uma orquídea, porém são surpreendidos.

Por Que o Louva-a-Deus Orquídea tem essa aparência??

louva deus orquídea

Apesar de parecer extremamente brutal é uma estratégia adotada com frequência para sobrevivência, sem a qual o organismo está fadado a grandes períodos sem se alimentar ou estando entregue a seus predadores. Ao analisarmos a natureza em si, observamos que a cadeia alimentar não tem ligações com belezas ou formas. Organismos precisam se alimentar de outros para que se desenvolvam. Ao mesmo tempo, é preciso estar alerta quanto a predadores naturais, de modo que a vida selvagem configura uma verdadeira batalha pela sobrevivência não permitindo solidariedade ou comoção. Dessa forma, o único modo que lhe resta para a ação é este, ludibriando suas presas e inimigos, fazendo tudo, dia após dia, visando sua manutenção e sobrevivência no meio selvagem e cruel.

Fato é que sua forma é estonteante e sua beleza encanta a todos os que se deparam com ele. É comum, inclusive, que passe despercebido por nosso olhar, que caso não esteja atento, se engana facilmente. Sua rotina na floresta é transitar entre as orquídeas em busca de alimento. Ao se aproximar, costuma sacudi-las para que possa exalar seu aroma, atraindo suas presas, que vão atrás da flor para o processo de polinização. Ao se aproximarem, não se dão conta de que o louva-a-deus orquídea está tramando uma armadilha, e até acabam indo em cima deles, tamanha a semelhança com as flores as quais estão a sua volta. Muitas pessoas acabam ficando surpresas pelo fato de um inseto tão lindo e exuberante ter atitudes tão drásticas. De fato, seus traços delicados costumam enganar as pessoas quando vistos pela primeira vez

Um inseto que se parece com uma planta??

Falar deste inseto é curioso, pois as pessoas em geral tem aversão a eles, não se debruçando sobre sua diversidade e espécies existentes no meio ambiente. E isso é natural. O louva-a-deus orquídea apesar de sua beleza e charme, esconde um predador nato e calculista, que não vacila em correr atrás de suas presas e não abaixa a guarda, não dando espaço para inimigos. Eles podem ser facilmente confundidos com a delicadeza das orquídeas, mas somente na aparência, pois sua rotina de caçador lhe imprime hábitos assertivos e, obviamente, seguindo a própria natureza. Entender sua natureza é fundamental para aceitarmos que por trás de tanta beleza é preciso muita garra para enfrentar as necessidades básicas de uma vida selvagem, e que exige alerta máximo. Apesar disso suas cores vibrantes são incríveis dando um toque de leveza em meio a tanta diversidade e riqueza de cores e vidas. Sua forma também suaviza as formas duras e pesadas de uma floresta. Falar sobre o louva-a-deus orquídea é interessantíssimo, pois se trata de um inseto pouco conhecido, até pela sua localização, mas que tem encantado a cientistas, amantes de flores e até de insetos.